TODOS CONTRA O CORONAVÍRUS

Clínicas de estética, consultórios odontológicos e serviços de beleza são suspensos em Goiás

por

COM INFORMAÇÕES DO G1/GO – O decreto estadual que lista as atividades econômicas que devem fechar em Goiás a partir de quinta-feira (19) inclui serviços de beleza e clínicas estéticas e odontológicas. A suspensão dos serviços por 15 dias integra as medidas implementadas no plano de contingência ao coronavírus.

Uma nota técnica divulgada pela Federação do Comércio de Goiás (Fecomércio) também traz recomendações sobre o fechamento de salões de beleza. Para estes estabelecimentos, porém, há ressalvas: apenas os salões com aglomeração de pessoas, que reúnam mais de 10 pessoas ao mesmo tempo, em média, devem baixar as portas.

O presidente da federação, Marcelo Baiocchi, explica que salões de grande porte devem atender às duas recomendações. “Neste momento, pedimos bom senso das pessoas. Atividades comerciais com aglomeração de pessoas devem fechar. Locais pequenos, com um ou dois funcionários, podem continuar funcionando”, esclarece Baiocchi.

O decreto especifica as atividades de “clínicas de estética” e “bucal e odontológica”. Em relação às atividades odontológicas, os atendimentos em clínicas públicas e privadas devem ser paralisados, exceto urgência e emergência. Já as clínicas de estética devem parar.

O decreto ratifica ainda a determinação para que fechem, nas próximas duas semanas, shoppings, lojas do comércio, cinemas, clubes, bares, boates, restaurantes e teatros.

Já estabelecimentos que atendem necessidades básicas, como supermercados, padarias e farmácias deverão permanecer abertos.