TODOS CONTRA O CORONAVÍRUS

Goianésia: Semana começa com 3 mortes por Covid-19 e fechamento do comércio à noite e sábado e domingo

por

Goianésia terá que fechar o comércio durante sete dias, começando por hoje, terça-feira (30), das 19h às 6h do dia seguinte e sábado e domingo o dia todo. O anúncio foi feito pelo prefeito Renato de Castro (MDB), em coletiva de imprensa na manhã desta terça, no auditório do Paço Municipal. A coletiva aconteceu logo após reunião do prefeito com membros do comitê social.

Com essa nova determinação, os bares que funcionam à noite não abrirão suas portas.

Renato ponderou que as igrejas funcionarão exclusivamente nas terças, até às 21h. Não abrirão em nenhum outro dia e os demais comércios terão que fechar suas portas às 19h, inclusive supermercados e farmácias. Delivery após esse horário apenas de farmácia, para emergências. Renato afirmou que a cada semana, o comitê se reunirá para traçar as novas estratégias.

O prefeito anunciou ainda que três mulheres – todas idosas – morreram na segunda-feira (29), vítimas de Covid-19. Duas em Goianésia e uma no HCamp de Porangatu.

A medida de contenção adotada pelo prefeito será oficializada em decreto ainda hoje, de acordo com ele. É uma resposta à reunião de segunda-feira, quando o governador determinou a realização de lockdown no Estado, alternando 14 dias de fechamento total e 14 de flexibilização.

Renato chegou a gravar um vídeo ontem, sugerindo que faria lockdown apenas no domingo, a partir de meio-dia. A notícia viralizou em todo o país de forma pejorativa.

Goianésia oficializa 7 mortes e 166 casos confirmados de Covid-19.