TODOS CONTRA O CORONAVÍRUS

Goianésia tem um caso confirmado e 15 pessoas com suspeita de Covid-19

por

Com um caso confirmado de coronavírus e 15 casos suspeitos, ainda aguardando resultados laboratoriais, Goianésia acende o sinal amarelo diante da pandemia que assola o mundo e já ceifou a vida de mais de 30 mil pessoas, sendo 159 delas no Brasil. Em Goiás até agora uma pessoa morreu, vítima da doença.

Diante disso, o prefeito Renato de Castro (MDB) estendeu por mais 14 dias a suspensão das aulas da rede municipal de ensino de decidiu manter o decreto que fechou a maior parte do comércio, excetuando supermercados, mercearias e farmácias.

De acordo com o secretário de Saúde, Hisham Hamida, Goianésia conta com 10 leitos de UTI na rede privada, com 10 respiradores e três ventiladores. Na rede pública, que não conta com UTI, dispõe de 5 ventiladores pulmonares.

Os leitos de UTI da rede privada, cadastrados pelo SUS, podem ser disponibilizados em caso de necessidade, mas não ficam restritos aos pacientes de Goianésia, já que a regulação é feita por um central estadual.