Política

Dr. Breno Leite destaca trabalho dos profissionais do Samu

Na sexta-feira (12) foi comemorado em todo o Brasil o dia do profissional do Samu, que é o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Funciona como um serviço de socorro pré-hospitalar móvel, no qual o usuário solicita atendimento por meio telefônico para urgências e emergências de modo gratuito pelo telefone 192.

O médico e ex-vereador Dr. Breno Leite, que atende em Jaraguá, destacou em artigo publicado no jornal Diário da Manhã, de Goiânia, a relevância do trabalho desses profissionais. “No pico da pandemia da Covid-19, o Samu realizou mais de 2 mil transferências hospitalares nos meses mais agudos só em Goiás”, informa. “Além de parabenizar e louvar os ‘samuzeiros’, devemos cobrar maior investimento público na carreira dos profissionais, na expansão do serviço e na renovação permanente de EPIs e frota de apoio”, completa.

“Apesar dos serviços prestados com afinco pelos profissionais do Samu em Goiânia, nem sempre o serviço recebeu atenção e investimento do Executivo Municipal. Lembremos que em 2018 o Ministério da Saúde suspendeu o envio de verbas para o município, pois encontrou irregularidades na prestação do serviço”, alerta o médico. “Somente em 2020 o Samu Goiânia foi requalificado segundo as normas do Ministério da Saúde e voltou a receber o repasse”, acrescenta. Segundo Breno Leite, a requalificação aconteceu após a secretaria municipal de Saúde investir em equipamentos de proteção individual, no fluxo de atendimento, em recursos humanos e na melhoria dos veículos utilizados pelo serviço.

Dr. Breno Leite ressalta ainda que o Samu garante o salvamento de milhares de vidas por ano, seja por meio do Suporte Básico (USB) ou pelo Suporte Avançado (USA), com maior tecnologia e conta com equipe médica e enfermaria. “É importante lembrar que, apesar dos relevantes serviços prestados, há municípios carentes de mais investimentos. Cidades fortes como Itaberaí e Itapuranga, além de muitas outras, não contam com o USA, e muitos municípios pequenos não têm o USB. É preciso que tais suportes cheguem a cada cidade goiana”, cobra.

“Como médico e samuzeiro, tenho segurança para afirmar que o Samu é um serviço de ponta e devemos todo o nosso respeito, admiração e gratidão ais funcionários que garantem esse atendimento de ponta”, conclui Dr. Breno, que é pré-candidato a deputado federal. A saúde pública é uma de suas bandeiras políticas.

Jornalista e Escritor

× Fale Conosco